Muito Mais Do Que Trigo - Farinha de Coco e Duas Receitas

14:27

Eu estava a guardar esta farinha para o fim, por ser, na minha opinião, uma das farinhas mais difíceis para substituir a farinha de trigo. Contudo muitas de vós pediram que falasse dela hoje e aqui está a farinha de coco e duas receitas bem docinhas e pecaminosas, um brownie e uns bolinhos de manteiga de amendoim.



O que é a farinha de coco e quais as suas características?

A farinha de coco é feita a partir da polpa de coco desidratada e que posteriormente é moída. Não confere um sabor pronunciado a coco aos alimentos, passando muitas vezes despercebido. Esta farinha é isenta de glúten e tem quase o dobro da fibra em comparação com a farinha de trigo integral. É também mais rica em proteína, vitaminas do complexo B, potássio, magnésio, fósforo e cálcio.

O coco é conhecido como agente antiviral, antibacteriano e antifungico graças ao ácido láurico e ao ácido caprílico. Estes e outros ácidos gordos que o nosso metabolismo usa como energia ao invés de o alojar na forma de gordura, são benéficos para o funcionamento do cérebro, melhora a memória, ajuda à concentração e ajuda a combater a depressão. E não, não tem colesterol, apesar de conter este ácidos gordos.

A farinha de coco tem baixa concentração de hidratos de carbono em comparação com a maioria das farinhas, pelo que é ideal para quem adopta a dieta paleo ou para quem quer perder peso, pois é muito mais saciante devido à alta concentração de fibra.


Como se usa a farinha de coco?

É aqui que as coisas se complicam. Não se pode de forma alguma substituir a farinha de trigo pela mesma quantidade de farinha de coco, numa receita. Vai resultar numa bola de ingredientes que irá para o lixo. Isto tem uma razão de ser. A farinha de coco absorve muito mais líquido do a de trigo. MUITO MAIS! Além disso, a farinha de coco incha ao entrar em contacto com líquidos. No início parece uma mistura líquida e passado um minuto, a farinha de coco absorve todo o líquido e a mistura fica espessa. Agora que expliquei a razão porque é difícil para muita gente usar a farinha de coco, vamos lá perceber os truques para fazer bolos deliciosos. 

Os pacotes de farinha de coco são pequenos, mas não se preocupem, porque só vão usar umas poucas colheres de sopa de cada vez. Cada 100g de farinha de trigo substitui-se por 2 a 3 colheres de sopa rasas de farinha de coco. O ideal é juntar uma colher de cada vez e avaliar a consistência da massa.

Outro ponto importante são os ovos. Os ovos são os melhores amigos da farinha de coco! Pois é minha gente, farinha de coco implica ovos. Sem eles não funciona tão bem e, na minha opinião, os bolos ficam com uma textura estranha. (pode ser que ainda não tenha experimentado a receita certa, não sei...) Para quem não é alérgico a ovos isto não é um problem, já que os ovos, apesar de terem sido demonizados na década de 90, são óptimos para a saúde.

A farinha de coco também beneficia com a adição de farinha de frutos secos, dando-lhe estrutura, principalmente nos bolos. Podem usar farinha de amêndoa, de avelã, de nozes ou outra da vossa preferência. Nas panquecas não é preciso, já que esta farinha faz umas panquecas super fofinhas sem ser preciso adição de outra farinhas. (Vou tentar ainda esta semana publicar uma receita de panquecas com farinha de coco.)

É uma farinha muito leve, por isso é perfeita para confeccionar bolos, panquecas e muffins, deixando-os muito macios e húmidos. Em determinados casos, os bolos feitos com esta farinha beneficiam com a adição de goma de xantana (à venda em lojas de produtos naturais e El Corte Inglès), pois, por não ter glúten, os bolos poderão desfazer-se um pouco. No trigo, o glúten confere uma elasticidade à massa que, depois do bolo ter sido cozido, não se esfarela. No caso da farinha de coco, é preciso compensar esse lado, mas é opcional, na minha opinião não é essencial e depende muito do resultado cada pessoa pretende obter. Por isso, se preferem uma massa mais "ligada" que se desfaça menos, usem goma de xantana, se isso é indiferente ou se gostam mais desse modo, omitam este ingrediente.

Mas há várias formas de usar esta farinha:

  • Pode ser adicionada às papas de aveia, de millet ou quinoa;
  • Confere uma textura agradável aos batidos, tornado-os mais espessos (esta farinha não precisa de ser cozinhada para consumir);
  • Pode-se usar para engrossar sopas;
  • Podem ser usadas para fazer trufas;
  • Para um lanche mais nutritivo podem misturar um iogurte (de leite de vaca ou leite vegetal) com farinha de coco, linhaça moída, baunilha, frutos secos e mel e obtêm uma mistura cremosa super saborosa.
Deixo duas sugestões abaixo e experimentem, usem a vossa imaginação, e partilhem comigo as vossas maravilhas culinárias. E já sabem que caso tenham alguma dúvida que queiram ver esclarecida não hesitem em contactar-me.





BROWNIE DE AVELÃS
(RECEITA ADAPTADA DO LIVRO "THE GOODNESS OF COCONUT" DE EMILY JONZEN)

Ingredientes:

130g de óleo de coco
200g de chocolate de culinária de boa qualidade, 70% de cacau)
50g de farinha de avelã (avelãs moídas em pó)
75g de farinha de coco
10g de cacau cru (sem adição de açúcar)
150g de açúcar de coco
60ml de xarope de ácer
3 ovos médios
2 colheres de chá de essência de baunilha
50g de avelãs


Preparação:

Pré-aquecer o forno a 180ºC e forrar um tabuleiro quadrado (20x20) com papel vegetal.

Coloca-se o óleo de coco e o chocolate numa tigela e leva-se ao microondas em intervalos de 30 segundos, mexendo entra cada intervalo, para ajudar a derreter o chocolate. Quando estiver totalmente derretido e homogéneo, deixa-se repousar para arrefecer ligeiramente.

Noutra tigela mistura-se a farinha de avelã, a farinha de coco e o cacau.

Numa outra tigela bate-se o açúcar de coco com o xarope de ácer e os ovos, durante 3 minutos, até se obter uma mistura fofa, pálida e cheia de bolhinhas de ar (sim eu sei, é um termo muito técnico!).

Junta-se a mistura de ovos e açúcar às farinhas e mistura-se com cuidado.

Adiciona-se a essência de baunilha ao chocolate. Junta-se o chocolate à massa de ovos e farinha e mistura-se delicadamente. Ao início a massa parecerá líquida, mas depressa irá espessar.

Verte-se a massa para o tabuleiro, polvilha-se com as avelãs picadas grosseiramente e leva-se ao forno durante 20 a 25 minutos. Eu gosto do brownie ainda macio no meio, mas se preferirem deixem mais 5 a 10 minutos para ficar mais firme.

Deixar arrefecer e cortar em 16 quadrados. Delicioso e sem culpa!








BOLINHOS DE MANTEIGA DE AMENDOIM
(RECEITA ADAPTADA DO LIVRO "THE GOODNESS OF COCONUT" DE EMILY JONZEN)

Ingredientes (rende 25 bolachas):

75g de avelãs moidas
60g de farinha de coco
1 colher de chá de fermento em pó para bolos
1 colher de chá de goma de xantana
150 de manteiga de amendoim com pedaços
75g de manteiga amolecida (não derreter)
3 ovos médios
75g de açúcar amarelo
50ml de xarope de ácer (ou mel)
2 colher de chá de essência de baunilha
100g de pepitas de chocolate

Preparação:

Pré-aquecer o forno a 180ºC e forrar dois tabuleiros grandes com papel vegetal.

Colocar a farinha de avelã com a farinha de coco, o fermento e a goma de xantana. Misturar com uma vara de arames.

Adicionar a manteiga de amendoim, a manteiga, os ovos, o açúcar, o xarope de ácer e a baunilha. Mistura-se com uma colher de pau até se obter uma mistura bem espessa. Juntam-se as pepitas de chocolate e envolvem-se.

Com a ajuda de uma colher de gelados pequena forma-se bolas de massa que se distribuem pelos dois tabuleiros. Com um pouco de farinha de coco nas mãos, espalmam-se as bolas de massa e levam-se ao forno durante 10 minutos ou até ficarem douradinhas.

Retirar do forno e deixar arrefecer numa rede. Guardar  num recipiente hermético.

NOTA: Estes bolinhos ficam macios por dentro, não esperem uma bolacha estaladiça.


You Might Also Like

2 comentários

  1. Nem sei qual das receitas gostei mais! Na verdade até sei, foi dos brownies obviamente! Ou não fossem os brownies uma das minhas sobremesas favoritas! De facto a farinha de coco não é muito fácil, mas faz coisas deliciosas. Ainda por cima eu gosto imenso de coco! Vou já deixar estas duas receitas marcadas para fazer! Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Eu não conhecia de todo a farinha de coco. Sou apaixonada por farinhas, mas nunca vi à venda confesso. Ou talvez não tenha dado atenção, também é possível. Tenho que procurá-la, até porque fiquei curiosa. Gostei imenso das tuas sugestões. Fiquei dividida entre as duas. beijinhos

    https://saboresdoninho.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

Obrigado pela visita! Partilhem a vossa opinião comigo e deixem um comentário :) Não se esqueçam de voltar!

Thanks for visiting! Share your opinion with me and leave a message :) Don't forget to come back!

Popular Posts

Arquivo